quarta-feira, 22 de outubro de 2008

COMO FUNCIONA O IMOBILIZADOR? PARTE II


No primeiro Post Como funciona o imobilizador vimos, de uma forma geral, o funcionamento do sistema. Nesse e nos próximos Posts vamos comparar a primeira e a segunda geração de imobilizadores. Mas para isso, é preciso voltar um pouco no tempo, mas precisamente até o final dos anos 90.

Nessa época presenciamos o nascimento da primeira geração de imobilizadores, caracterizada pela presença de uma pequena central eletrônica, normalmente instalada na coluna de direção, e um conjunto de chaves, das quais se destacava uma de cor diferenciada conhecida como Chave Mestra.

Nesse sistema uma pequena antena envolvia o cilindro de ignição e tinha a função de amplificar o sinal emitido por um pequeno chip montado dentro da chave, conhecido como transponder. O sinal gerado pela chave e amplificado pela antena era recebido pela central do imobilizador que tratava de verificar junto a central de injeção a veracidade do código. Uma vez reconhecido o código, a partida do motor era habilitada.

De funcionamento aparentemente simples, a primeira geração de imobilizadores apresentava algumas deficiências, alem de terem apresentado uma série de problemas com veículos ainda pouco rodados. ( Falo isso com propriedade, pois na época acompanhei de perto algumas brocas !! ). Mas foi o fato de utilizar um único código para habilitar a partida que tornou o imobilizador vulnerável a ação de “hackers”.

E é justamente em relação ao nível de confiabilidade do sistema que a segunda geração se destaca. Mas aí é assunto para um próximo Post.

Alexandre
  • Em caso de quebra da chave codificada um chaveiro especializado pode resolver o problema.
  • A primeira geração utilizava uma chave mestra para tornar possível a programação de outras chaves.
  • A luz espia do imobilizador acesa permanentemente no painel é sinal de defeito no sistema.
Saiba mais sobre o assunto:

Um comentário:

antónio Ferreira disse...

Boa noite.
O meu caso é:Algumas vezes meto as chaves e a luz do Imobilizador fica sempre a piscar, nao consigo andar. Isto já acontece à mais de um ano.Tenho tido sorte, ás vezes espero um pouco e volto a ligar a chave e a luz não acende. Mas agora a coisa está a piorar.Gostava de saber se à algum "truque"para remediar, ou tenho que mudar o canhão?...
Tenho um VW Polo de 2002.
Obrigado.