sábado, 1 de novembro de 2008

RETIRAR O CATALISADOR AUMENTA A POTÊNCIA DO MOTOR?


A preparação de motores é uma das áreas mais instigantes da mecânica. Conseguir extrair alguns cavalos a mais de potência é um desafio para qualquer preparador experiente. Para conseguir esse feito é preciso seguir uma receita básica - Aumentar a entrada de ar e combustível no motor e facilitar a saída dos gases de escape.

E quando falamos em facilitar a saída dos gases de escape muitos entendem como retirar o catalisador. E aí está um grande erro. É que ao contrário do que muitos pensam, o conceito de retirar o Catalisador para que o motor “respire” melhor é distorcido. Esta prática, ainda bastante difundida, não traz benefício algum ao motor. Pelo contrário, resulta em aumento do consumo e perda de desempenho, além, é claro, do risco de Multa e apreensão do veículo.

O que ocorre na verdade, é que, devido à constituição interna em forma de Colméia, o Catalisador restringe o fluxo de gases, dificultando sua saída. Porém, como isto é determinado ainda na fase de projeto, esta perda de carga é compensada pela programação do Sistema de Injeção e Ignição.

Portanto, a simples remoção do catalisador, além de proibida por lei, exige alterações profundas no Sistema de Admissão e descarga, através do retrabalho nos coletores ou substituição por um conjunto dimensionado, além da necessidade de remapeamento do Sistema de Gerenciamento Eletrônico do motor para compensar esta alteração.

Até o próximo Post.

Dicas AutoServiço
  • Retirar o catalisador aumenta o consumode combustível
  • A vida útil de um catalisador é de 80.000 Km
  • Velas de ignição gastas prejudicam o Catalisador.

4 comentários:

Anônimo disse...

Falta referir, de que com catalisador, em carros Diesel, existe um maior aquecimento do Turbo e subsequente desgaste do mesmo.
De referir, de que carros reprogramados, o artigo em questão falha redondamente em vários factores.

Alex disse...

O kct! Não tem nada a ver isso. Já comprovei EM DINAMÔMETRO que realmente tem um ganho de potência sim, embora irrisório em alguns casos, mas existe sim! Essa merda de peça só serve pras montadoras pararem de sofrer pressão de órgãos "verdes" do governo e ONGs afins. Essa que é a verdade.

Anônimo disse...

Falou e disse o amigo ai em cima, é só perceber em carros de 'drag' arrancada, eles não possuem catalizadores, é apenas escapamento para direcionar os gases expelidos do motor, e sem tem alguma coisa que piora é o barulho fica ensurdecedor, tenho um Mondeo 2.4 foi só retirar o catalizador que de 170 cv subiu para 206 cv de máxima rotacao, testem ai é só tirar se for mentira solda de novokkkk mas garanto o efeito vai ser sentido sem nem precisar de dinamômetro

Daniel St disse...

Minha Hilux com escape direto teve aumento de potência, mas questão consumo mudou pouca coisa mas em função de eu querer ouvir o ronco mais forte, por isso acabo acelerando mais. É só ver os carros de Arrancada com vamo livre e a injenção da Hilux reconheceu perfeitamente a alteração, recomendo, o barulho ficou similar a pick-up de rally.