domingo, 13 de dezembro de 2009

SELO CONPET AJUDA O CONSUMIDOR A ESCOLHER CARRO MAIS ECONÔMICO.


Quem acompanha o Blog deve se lembrar da Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE). Esse Selo faz parte do CONPET, Programa Nacional da Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e do Gás Natural é o resultado de uma parceria entre o Inmetro e a Petrobrás e tem como objetivo orientar o consumidor na hora da compra, indicando os produtos com maior eficiência energética através de uma classificação que varia de A, para o mais econômico, a E, o menos econômico.

Esse Selo indica o consumo de combustível no ciclo urbano e rodoviário, em Km/l para álcool e gasolina, ou Km/m3 para carros GNV. A novidade é que essa semana foi divulgado uma nova tabela com mais 35 veículos, em 67 versões diferentes, distribuidos em oito categorias.

Posso dizer que o resultado do trabalho realizado pelo Inmetro é muito sério e bastante próximo da realidade, podendo ser usado como referência na hora de escolher o carro novo. São números reais e não distantes do resultado encontrado por você ao dirigir. Isso derruba por terra alguns anúncios otimistas onde se vende a idéia de carros excepcionalmente econômicos.

Só para se ter uma idéia, o carro Flex mais econômico da lista, que recebe a classificação “A” em consumo faz apenas 8,8 Km/l de álcool na cidade !!! Isso mesmo, menos de 9 Km/l em percurso urbano!! Esses números passam para 9,9 quilômetros por litro de álcool quando em percurso rodoviário. Usando Gasolina, o campeão de economia faz 12,4 Km/l na cidade e quase 15 Km/l na estrada. Não mais do que isso.

Portanto, se você pensa em mudar de carro ou que saber o consumo real do seu modelo atual, consulte a Tabela do Conpet, clicando aqui.

Até o próximo Post.

Alexandre

Para saber mais sobre o assunto:

Por que o carro Flex não é econômico – Parte I
Por que o carro Flex não é econômico – Parte II
Selo Procel para Carros

2 comentários:

Pedro disse...

Peço desculpa mas tenho apenas uma coisa a comentar:

O airbag pode abrir caso o veiculo toque na lomba.

Ou seja, existe na zona inferior do veiculo uma célula de sobrevivência (mais ou menos atrás do eixo dianteiro), que caso sofra algum toque mais bruto activa os airbags.

Uma pedra solta, uma lomba, uma tampa de esgoto mais alta, pode embater naquela zona e activar os airbags (mesmo a baixa velocidade)

Cumprimentos

Anônimo disse...

Интересная новость, как долго ожидать публикации свежего материала и вообщем стоит ожидать ?